quinta-feira, 3 de junho de 2010

'Planejar é antecipar ações para atingir certos objetivos''



TIPOS DE PLANEJAMENTO:PLANO POLÍTICO PEDAGÓGICO,
PLANO ANUAL, PLANO DE ESTUDOS, PROJETO DE TRABALHO E PLANO DIÁRIO

Planejamento Escolar “Ensinar não é transferir conhecimentos, mas criar possibilidades para sua produção ou a sua construção”.
Quem ensina, aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender. ”
( Paulo Freire )
Paulo. Pedagogia da Autonomia. Saberes necessários a Prática Educativa.
São Paulo: Paz e Terra. 1996.

Planejamento Escolar
Através do planejamento é possível programar as ações docentes, mas também é um momento de pesquisa e reflexão intimamente ligado á avaliação. Para poder planejar adequadamente a tarefa de ensino e atender ás necessidades do aluno é preciso, antes de qualquer coisa, saber para quem se vai planejar. Por isso, conhecer o aluno e seu ambiente é a primeira etapa do processo de planejamento.
Sem uma sondagem e o diagnóstico e o diagnóstico podemos correr o risco de propor ao aluno o que é impossível alcançar ou o que não interessa ou, ainda, o que já foi alcançado .Dessa maneira podemos dizer que o planejamento e avaliação caminham juntos.

PLANEJAR REQUER
Ser criativo sempre, ser criativo na elaboração da aula, estabelecer prioridades e limites, estar aberto para acolher o aluno e sua realidade ser flexível.

ROSELI BEK

REPORTAGENS COM CELSO DOS SANTOS VASCONCELLOS

PLANEJAMENTO, PLANO POLÍTICO PEDAGÓGICO E O PLANO ANUAL

Celso dos Santos Vasconcellos já foi professor, coordenador pedagógico e gestor escolar.

Por onde se deve começar um bom planejamento?

CELSO VASCONCELLOS. Depende muito da dinâmica dos grupos. Existem três dimensões básicas que precisam ser consideradas no planejamento: a realidade, a finalidade e o plano de ação. O plano de ação pode ser fruto da tensão entre a realidade e a finalidade ou o desejo da equipe. . Às vezes, começar resgatando os sonhos, as utopias, dependendo do grupo, pode ser mais proveitoso. O importante é que não se percam essas três dimensões e, portanto, em algum momento, a avaliação, que é o instrumento que aponta de fato qual é a realidade do trabalho, vai aparecer, começando o planejamento por ela ou não.

É possível realizar um processo de ensino e aprendizagem sem planejar?

VASCONCELLOS É impossível porque o planejamento é uma coisa inerente ao ser humano. Então, sempre temos algum plano, mesmo que não esteja sistematizado por escrito. Agora, quando falamos em processo de ensino e aprendizagem, estamos falando de algo muito sério, que precisa ser planejado, com qualidade e intencionalidade. Planejar é antecipar ações para atingir certos objetivos.

Em alguns contextos, o planejamento ainda é encarado como um instrumento de controle?

VASCONCELLOS. Sim, em algumas escolas e redes, ele ainda é um instrumento burocrático e autoritário. Em um sistema autoritário, o planejamento é uma arma que se volta contra o professor porque o que ele disser - ou alguém disser por ele - que vai ser feito tem que ser cumprido. Caso contrário, ele foi incompetente. E, nem sempre, conseguimos fazer o que planejamos. Por diversas razões, inclusive por falha nossa, mas não unicamente por isso.


É possível fazer um planejamento sem conhecer o projeto político pedagógico da escola?
VASCONCELLOS. Um projeto, a escola sempre tem, mesmo que ele não esteja materializado em um documento. Agora, o ideal é que esse projeto seja público e explicitado. Na hora do planejamento anual, ele deve ser usado como algo vivo, como um termômetro para toda a comunidade escolar saber se o trabalho que está sendo planejado está se aproximando daqueles ideais políticos e pedagógicos ou não.

Como evitar que o tempo dedicado ao planejamento anual não seja desperdiçado?

VASCONCELLOS. Nas escolas, o coordenador pedagógico é o responsável por esse processo. É preciso prever momentos específicos para cada tipo de assunto e ser firme na coordenação. Às vezes, há uma tentação muito grande em ficar gastando tempo do planejamento com problemas menores, administrativos ou burocráticos. Então, é muito importante planejar o planejamento. Ele precisa ser um coordenador pedagógico forte, mas onde buscar apoio para se fortalecer?
Com que frequência as ações do planejamento anual devem ser revistas pela equipe?

VASCONCELLOS. Eu insisto muito na reunião pedagógica semanal. Na minha opinião, esse encontro não deve ser por área, e sim com todos os professores daquele ciclo, daquele período,é imprescindível para planejar um trabalho de qualidade com coerência entre os professores. Além de ser um momento de socialização. Existem professores que descobrem coisas excelentes que vão morrer com ele porque não foram sistematizadas nem ele compartilhou aquelas descobertas. E, na hora do planejamento, há a possibilidade de reservar um momento para isso.

Existe algum momento que deve ser planejado com mais cuidado?

VASCONCELLOS. Sim, as primeiras aulas. Principalmente das séries iniciais. Existem estudos que mostram que a boa relação professor/aluno pode ser decidida nessas aulas. Há pesquisas que vão além e apontam os primeiros instantes da primeira aula como determinantes do sucesso da atividade docente. E não é só determinar os conteúdos a ser abordados, os objetivos a atingir e a metodologia mais adequada. É, sobretudo, se preparar, tornar-se disponível para aqueles alunos, acreditando na possibilidade do ensino e da aprendizagem, estando inteiramente presente naquela sala de aula, naquele momento.

REVISTA NOVA ESCOLA
Edição Especial | Janeiro 2009


video

Nenhum comentário:

Postar um comentário